RESOLUÇÃO N° 010/2017 – CMDCA Talismã – TO, 20 de março de 2017

RESOLUÇÃO N° 010/2017 – CMDCA                           Talismã – TO, 20 de março de 2017.

 

Instaura Sindicância e constitui Comissão a fim de apurar denúncias apresentadas a este Conselho de Direitos contra o Conselheiro Tutelar Ataniro de Paula Vieira Neto, e dá outras providências.                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                           

 

A Presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, no uso das atribuições que lhe confere a Lei Municipal nº 544/2015, de 31 de março de 2015 e Lei Municipal nº 563/2016 de 19 de abril de 2016, e reunidos na data de 16 de março de 2017 as 09h00 horas e,

CONSIDERANDO o teor da denúncia encaminhada ao Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente em data de 01 de fevereiro de 2017, em desfavor do Conselheiro Tutelar Ataniro de Paula Vieira Neto imputando a prática de “abuso de poder no atendimento de caso no Conselho Tutelar envolvendo as pessoas da comunidade, envolvendo assuntos relacionados ao dinheiro do GEP, bem como sobre a Srª Elizabete Serafim dos Santos sobre vazamento de assunto interno do Conselho Tutelar; indignação dos envolvidos no atendimento do caso 39 do Conselho Tutelar; constrangimento de adolescente no atendimento direto na Escola em que a mesma estuda; desarmonia entre conselheiros; alteração de senha do e-mail institucional durante o período de férias;

CONSIDERANDO a necessidade de ser instaurada Sindicância e constituída Comissão a fim de apurar os fatos narrados na referida denúncia;

Resolve:

Art. 1º – Instaurar Sindicância e constituir a respectiva Comissão com a finalidade específica de apurar os fatos declinados pelos supostos denunciantes Luiz Carlos Gonçalves e Leide Francisco Arruda, cuja notícia de fato foi protocolada no Conselho dos Direitos da Criança e do Adolescente de Talismã em data 01/02/2017 e no Ministério Público em 31/01/2017.

Art. 2º – A Comissão fica constituída por integrantes do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescentes, sendo presidida pela primeira nomeada, a quem compete indicar o secretário da comissão que será auxiliado pelo membro:

  • Edilane Maurício de Souza;
  • Adriana do Nascimento;
  • Augusto Pedro dos Santos; 

Art. 3° – A Comissão ora constituída deverá concluir os trabalhos da sindicância no prazo de 30 (trinta) dias, nos termos do art. 194, § 3º da Lei nº 563/2016, podendo referido prazo ser prorrogado por igual período.

Art. 4º – Esta resolução entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições contrarias.

 

    Talismã – TO, aos 20 dias do mês de março de 2017.

 

 

 

Beatriz Andrade Maciel Souza

Presidente do CMDCA

CERTIDÃO:

 

 

Certificamos para os devidos fins legais que cópias da Resolução nº 010/2017, de 16 de março de 2017, foram afixadas nos quadros de avisos do Centro de Referência de Assistência Social; Secretaria Municipal de Assistência Social, Site Oficial da Prefeitura www.talisma.to.gov.br e demais locais públicos, obedecendo ao princípio da publicidade dos Atos Públicos.

 

 

                                                                                             Talismã – TO, 20 de março de 2017.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Inácia Rosa de Souza Neta

Membro do CMDCA

 

Compartilhar

Desenvolvido por